Origens do totalitarismo alemão e a ascenção do Nazismo

1. Principais fatores que levaram a implantação do nazismo na Alemanha

Tratado de Versalhes

Em 11 de novembro de 1918, o governo alemão assinava o armistício em situação desvantajosa. Após sua rendição, realizou-se na França uma série de conferências entre as  vinte e sete nações vencedoras participantes da Primeira Guerra. Sob a liderança dos EUA, Inglaterra e França nasceu o Tratado de Versalhes assinado em 28 de junho de 1919.
Este tratado estipulava uma série de obrigações à Alemanha, país que perdera a guerra, dentre eles:
* restituir a região da Alsácia- Lorena á França;
* ceder outras regiões à Bélgica, à Dinamarca e à Polônia;
* entregar quase todos os seus navios mercantes à França, à Inglaterra e à Bélgica;
* pagar uma indenização em dinheiro aos países vencedores;
* reduzir o poderio militar de seus exércitos, sendo proibida de constituir aviação militar;
*Art.45 – Alemanha cede à França a propriedade absoluta [...], com direito total de exploração, das minas de carvão situadas na bacia do rio Sarre.
* Art.80 – A Alemanha reconhece e respeitará a estritamente a independência da Áustria.
*Art.119- A Alemanha renuncia, em favor das potências aliadas, a todos os direitos sobre as colônias ultramarinas.
* Art.171- Estão proibidas na Alemanha a fabricação e a importação de carros blindados, tanques ou qualquer outro instrumento que sirva a objetivos de guerra.
*Art.232- A Alemanha se compromete a reparar todos os danos causados à população civil das potências aliadas e a seus bens.

Os alemães consideravam  o Tratado de Versalhes injusto, humilhante e vingativo. Já durante a Primeira Guerra, a fome alastrou a Alemanha tornando alimentos como leite, batatas em produtos de luxo encontrados apenas no “mercado negro” e comprados pelos ricos. Se os alimentos, raramente, estivessem a venda eram racionados. O roubo tornou-se uma prática comum, e roubava-se desde roupas até cães para se matar a fome. O pós-guerra não melhorou a situação da Alemanha, pois este foi um dos países que ficou com uma grave crise sócio-econômica e um grande número de mortos. O Tratado de Versalhes veio intensificar a situação de crise. Anos depois com a crise de 1929 a situação só veio a se agravar, pois atingiu os países, em proporções diferentes, que lutaram na Primeira Guerra, realçando seus problemas socioeconômicos. Essa crise gerou conflitos entre as classes sociais, fazendo que inúmeros membros da elite se mostrassem favoráveis a formação de um regime autoritário que recompusesse a ordem capitalista.
Nesse momento, os regimes autoritários são vistos como a solução para o fim da crise socioeconômica. Este governo forte controlaria diversos setores da vida social, como os meios de comunicação, órgãos de segurança, sindicatos, etc. Seria o fim da democracia liberal. Um único partido determinaria a política do país.
Vale lembrar que a Revolução Russa de 1917 era uma ameaça aos interesses das elites, o que a levou a apoiar esses regimes autoritários.  De acordo com o historiador Michael Burleigh em seu livro “Third Reich: a New History”, os nazistas nunca teriam conseguido tomar o poder sem o consentimento do povo, “a Alemanha estava desesperada por uma identidade e por um milagre econômico. Por isso, não houve qualquer revolta quando o país, durante o Terceiro Reich, desviou-se do bem para o mal. O que houve foi apenas um realinhamento moral”.

2. Hitler e o Nazismo: a solução alemã

A Alemanha não havia se recuperado da Primeira Guerra. Sua população continha um imenso número de desempregados, altas taxas de inflação, havia muitos protestos de operariados influenciados pela Revolução Russa, e ainda estava presa as imposições do Tratado de Versalhes.

Adolf Hitler

Adolf Hitler (1889-1945) nascido na Áustria e ex- combatente da Primeira Guerra filiou-se ao Partido Nacional Socialista dos Trabalhadores Alemães (NAZI – o termo nazismo deriva da suas iniciais). Em 1921, Hitler tornou-se o chefe absoluto do partido nazista. Após tentar um golpe em 1923 foi condenado a prisão onde escreveu a primeira parte de seu livro Mein Kampf (Minha luta) que continha as bases da doutrina nazista. Entre elas estão:
*superioridade da raça ariana: os alemães descendem de uma” raça superior” (ariana) e por isso têm o direito de dominar as “raças inferiores”.
*anti-semitismo
*total fortalecimento do Estado: todos deviam se submeter ao Estado, personificado na figura do Führer (chefe).
*expansionismo: o povo alemão tinha o direito de conquistar seu espaço vital.

A propaganda da doutrina nazista foi feita através de discursos de Hitler para as massas, publicações do partido e principalmente desfiles militares que passavam a imagem de ordem, disciplina e organização. O sistema educacional incentivava o nacionalismo, e foi marcado por militarismo, anti-semitismo, e racismo. Os professores deveriam fazer parte da Liga Nazista de Docentes e transmitir para os alunos que os alemães pertenciam a uma raça superior.

Em 1925, Von Hindenburg torna-se presidente da Alemanha, porém não consegue solucionar os problemas socioeconômicos. O Parlamento Alemão, em 1932, teve uma grande maioria apoiando o partido nazista e sendo favorável a ascensão de Hitler, nomeando-o como chanceler.

Fontes

Portal Segunda Guerra Mundial
Revista História- Nazismo.nº1. Tríada
COTRIM, Gilberto. “História Global- Brasil e Geral” vol. único, São Paulo. Saraiva, 2002. pp.420-440.
Para baixar o Tratado de Versalhes clique aqui

2 comentários em “Origens do totalitarismo alemão e a ascenção do Nazismo

  1. MEXERAM COM QUEM NÃO DEVIA, O SER HUMANO É COMO UM LEÃO, SENTIR AMEAÇADO, ACOADO PODE TORNÁ-LO AINDA MAIS PERIGOSO E VINGATIVO, DEVERAS, HITLER FEZ O QUE QUALQUER ANIMAL FARIA, DEFENDER ATACANDO SEUS OPONENTES.
    NÃO ESTOU JUSTIFICANDO SUAS CRUELDADES, TÃO SOMENTE TENTO ENTENDER PORQUE FOI QUEM FOI OU ENCONTRAR OS MOTIVOS QUE LEVARAM O DITADOR A FAZER O QUE FEZ.
    UM FORTE ABRAÇO, DEUS SALVE O BRASIL.
    EDSON ANDRADE.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s